Bijuterias Finas, 7 dicas Para Você Ficar Linda em Qualquer Ocasisão

bijuterias finas-riosluz

As bijuterias finas são a melhor alternativa para quem não pode investir em jóias caras e valiosas mas quer dar um toque especial em qualquer produção.

 

Essas peças oferecem 2 principais diferenciais em relação as bijuterias mais comuns: o material e o design. Esbanjam um design elaborado e um material de qualidade, sendo na sua maioria folheados a ouro, prata ou metais anticorrosivos.

1. Bijuterias finas trazem Delicadeza no dia a dia

As bijuterias servem para dar mais beleza aquele look básico que é usado diariamente, trazendo a suavidade e conforto que é preciso. Em meio a uma agenda cheia de compromissos, brincos pequenos, anéis delicados e colares com pingentes, são ideais para o dia a dia.

No ambiente de trabalho, evite usar peças grandes, prezando sempre por um visual mais clean. Pode apostar em um belo mix de anéis ou pulseiras, mas sem exagero. Basta ter cuidado com a quantidade e estilo, nesse caso, o ideal é que sejam usados os mais finos e sem pedras ou com pequenas e poucas delas.

Na hora de misturar, dê preferência aos acessórios mais básicos. Pulseiras e colares ou brincos muito grandes costumam chamar atenção, então é bom ter atenção redobrada na hora de usá-los.

2. Ousadia à noite

Bijuterias finas Folheadas a ouro são acessórios perfeitos para você alavancar o seu visual e ficar elegante e sofisticada. Em eventos noturnos, detalhes fazem toda a diferença e são indispensáveis para completar a produção.

Roupas que possuem detalhes, como bordados, drapeados ou golas pedem acessórios mais curtos e discretos. Evite pedras grandes e colares chamativos. Porém, se seu look for de apenas uma cor e sem muitos detalhes, vale fazer o inverso e complementar o visual com acessórios que destaquem a sua produção.

bijuterias-finas-riosluz

Aquele pretinho básico funciona como a peça coringa de qualquer armário feminino, esse tipo de roupa é muito versátil e ideal para ousar com diversas combinações de bijuterias.

Já se o look tiver alças grossas ou for no modelo frente única, esqueça os colares e invista em um brinco maior e um anel sofisticado com pedras. Para os sem muitos detalhes, apostem em um item bem marcante.

3. Harmonize a produção

Se você é do tipo que prefere peças com tons neutros, os acessórios serão seus melhores amigos, desde os mais simples até os mais exuberantes.

Uma roupa básica pede abuso de acessórios grandes e chamativos, permite que você ouse na cor dos acessórios podendo abusar das peças coloridas e estampadas. Já uma roupa muito estampada pede cautela na escolha dos brincos, colares e anéis.

Se você prefere apostar nas peças coloridas, não precisa ter medo, basta optar por acessórios que complementem as cores do seu look. Cores são fatores importantíssimos nesse momento, pois é necessário saber harmonizar tons.

Para iluminar o look e deixá-lo mais elegante, aposte em acessórios com tons de dourados. Caso queira deixar o visual mais alegre, escolha brincos grandes ou maxi colares coloridos.

Use colares médios, longos ou volumosos principalmente com blusas lisas. Se optar por blusas listradas ou com estampas, prefira então colares com pingentes menores e mais delicados, ou gargantilhas.

4. Bijuterias finas para qualquer tipo de cabelo

Para as mulheres que possuem cabelo curto, a ideia é apostar em todo formato e tamanho de brincos, principalmente os maxi, que dão um toque especial ao visual.

Modelos com pingentes, franjas e argolas também são ideais para esse tipo de corte.

Já as mulheres que apostam em cabelo de comprimento médio, podem investir em brincos delicados e de tamanho razoável. A dica é deixar o acessório em evidência e, se possível, colocar os fios atrás da orelha, para dar esse destaque. Brincos de vareta ou de argola também são ótimas escolhas.

Quem tem cabelo longo pode abusar dos tamanhos e modelos. Uma dica para quando o cabelo estiver com algum penteado preso, como coques ou rabo de cavalo, é usar itens com brilho, pedras ou os modelos mais estreitos de brincos longos. Fique atenta apenas aos brincos que tenham muitos detalhes, pois eles podem acabar se enroscando nos fios e comprometendo a produção.

5. Cuidar para durar

Tudo depende do cuidado que temos com elas. Bijuterias finas são peças que devem ser conservadas para durarem por muito tempo.

O recomendado é guardar as bijuterias finas em uma embalagem separada ou porta jóias exclusivo. Para pulseiras e colares podem ser usados saquinhos individuais, o importante é que não tenha atrito com as demais peças.

A sua grande vilã é a umidade, que causa o escurecimento da peça. Uma boa dica em relação a isso é colocar um pedaço de giz branco na embalagem, é isso mesmo que você está pensando, mulher, são aqueles usados por professores no quadro negro. Eles tem um poder de absorção e acaba com a umidade que possa estar próxima.

Em relação a limpeza, é só usar um pano limpo e seco para tirar possíveis sujeiras e manter o brilho do acessório. É importante também tomar cuidado com substancias como perfume, cremes hidratantes e produtos de limpeza pois eles podem alterar o brilho das bijuterias. Opte por esperar a absorção deles e depois colocar os acessórios.

E na hora de pegar aquele sol, o ideal é não utilizá-las. A maresia, o cloro, protetor solar e bronzeador oxidam o material da peça e diminuem a sua durabilidade.

6. Suas Bijuterias sempre devem combinar com sua roupa, como?

O foco deve ser a roupa que vai usar, roupas trabalhadas ou com muito brilho pedem peças menores e menos chamativas. Se você for usar brincos grandes, aposte em anéis pequenos, se não o look pode ficar muito carregado. O mesmo vale para os colares, se os brincos forem muito grandes, evite usá-los.

E caso você não queira gastar muito, uma boa saída é comprar acessórios neutros e lisos que possam ser combinados com mais de uma peça de roupa. Investir em conjuntos também pode ser uma alternativa coringa, pois você pode alternar o uso das peças, combinando uma com outra.

7. Invista no que está em alta

As bijuterias oferecem um jeito mais rápido e fácil de atualizar qualquer produção. Vale a pena ficar ligada no que é tendência no momento e investir nesses itens para inovar aquela peça que está jogada no fundo do armário a tempos.

Atualmente tem muitos acessórios dos anos 80 e 90 se misturando com os atuais e dando um toque inovador para o visual.
O mais importante, mulher, é estar confortável em relação às suas escolhas, para que você se sinta mais confiante e bela, independente da ocasião.

Vale lembrar que nada aqui é uma regra, tudo depende de cada estilo e personalidade, por isso não deixe de usar aquilo que faz você se sentir ainda mais linda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *